Cariri Cultura Educação Eventos Revista Charm

Vinte e um dias de cinema

15826698_10207547089307381_6017703620844557695_n

Em 2017, o tema da Mostra 21 é “O Absurdo nos une, nos move” e conta com exibições, palestra e oficina sobre audivisual

15873488_10206690175368095_9019012257102434190_nOntem, 9, começou a MOSTRA 21 “O ABSURDO NOS UNE, NOS MOVE” no calendário do Cariri. Com apoio de três instituições, como a Universidade Federal do Cariri (UFCA), SESC e Centro Cultural Banco do Nordeste (CCBNB) a mostra conta com exibições de cinema nas três cidades do Triângulo CRAJUBAR. São vinte e um dias de cinema para ver, discutir e aprender sobre audiovisual. Acompanhe a programação:

09/01/2017 (seg), 14h, no Sesc Juazeiro:
Branca de Neve e os Sete Anões (Snow White and the seven dwarfs, Dir. David Hand, EUA, 1937, 83min). Uma bela e invejosa rainha, que também é feiticeira, resolve matar sua enteada, após o espelho mágico dizer que Branca de Neve era mais bonita que ela. Aniversário de 80 anos deste clássico do cinema.

09/01 (seg), 19h, no Sesc Juazeiro:
Aquarius (Aquarius, Dir. Kleber Mendonça Filho, Brasil, 2016, 142min). Clara é uma mulher de 65 anos que mora no Edifício Aquarius na praia de Boa Viagem em Recife e que se recusa a ceder contra a sua vontade, pela pressão de grupos poderosos da construção civil.

10/01 (ter), 14h, no Sesc Juazeiro:
O Mágico de Oz (The wizard of Oz, Dir. Victor Fleming/Richard Thorpe/King Vidor, EUA, 1939, 101min). Após um tornado em Kansas, Dorothy vai parar com sua casa e seu cachorro na fantástica Oz.

10/01 (ter), 19h, no Sesc Crato:
Heli (Heli, Dir. Amat Escalante, México, 2013, 105min). Heli é confrontada por corrupção policial, exploração sexual, amor, culpa e vingança na procura por seu pai que desapareceu misteriosamente.

11/01 (qua), 14h, no Sesc Juazeiro:
Amor, o absurdo desejado (Roda de conversa conduzida por Elandia Duarte). O amor, ânsia individual e coletiva. Imposição social, busca e vontade individual que se completa quando encontra outra busca idêntica. Transbordamento poético, preenchimento humano concreto. Solidez cotidiano que se consolida no absurdo tangível do hoje, do agora, do já, mesmo querendo ser sempre. Um olhar sobre o amor visto através das lentas reluzentes do cinema que vai além do comum. O cinema que se faz absurdamente real e humano. O cinema que confunde pra explicar, que cega pra iluminar, feito a nossa busca incessante de amor, feito nossa vontade de ser gente, de ser mais, de ser infinito tendo algum outro conosco, pra partilhar a experiência surreal de viver nesse mundo cão.
Proposta de Roda de conversa, que terá como embasamento poetas como Manoel de barros, Hilda Hilst, Drummond, teóricos do cinema como Truffaut e Bazin, e filmes como: The lobster, Os sentidos do amor, A espuma dos dias, entre outros.

11/01 (qua), 19h, no Sesc Juazeiro:
Vício Inerente (Inherent vice, Dir. Paul Thomas Anderson, EUA, 2014, 148min). Baseado no romance de Thomas Pynchon, segue os passos de Larry “Doc” Sportello, um detetive particular viciado em maconha que perambula pela Los Angeles de 1969 atrás do amor.

12/01 (qui), 14h, no Sesc Juazeiro:
Pinóquio (Pinocchio, Dir. Hamilton Luske/Bem Sharpsteen, EUA, 1940, 88min). Conheça a história de Pinóquio e o velho Gepeto, que construiu o boneco de madeira que toma vida e deseja se tornar gente.

12/01 (qui), 19h, no Sesc Crato:
O Amor é Estranho (Love is strange, Dir. Ira Sachs, EUA/França, 2014, 94min). George e Ben, juntos há 40 anos resolvem, finalmente, que vão se casar, e todos de suas respectivas famílias e também os amigos aprovam a cerimônia. No entanto, isso acaba fazendo com que George seja demitido de seu emprego.

13/01 (sex), 14h, no Sesc Juazeiro:
Alice no País das Maravilhas (Alice in the Wonderland, Dir. Clyde Geronimi/Wilfred Jackson/Hamilton Luske, EUA, 1951, 75min). Após seguir um coelho de colete e relógio, Alice embarca em uma aventura por um mágico mundo cheio de figuras inusitadas.

13/01 (sex), 19h, no Sesc Juazeiro:
O Criado (The servant, Dir. Joseph Losey, Inglaterra, 1963, 112min). Jovem rico acaba de comprar residência no centro de Londres e contrata criado para lhe auxiliar.

14/01 (sáb), 13h, no CCBNB Cariri:
Sessão encoberta 1: apenas na hora da exibição o filme será revelado.

14/01 (sáb), 15h, no CCBNB Cariri:
Sessão encoberta 2: apenas na hora da exibição o filme será revelado.

14/01 (sáb), 17h30, no CCBNB Cariri:
O Pequeno Príncipe (The little prince, Dir. Stanley Donen, EUA/Reino Unido, 1974, 88min). Um piloto perdido no deserto e um menino vindo de um lugar distante se encontram.

15/01 (dom), 14h, no Sesc Crato:
Amar, Beber e Cantar (Aimer, Boire et Chanter, Dir. Alain Renais, França, 2014, 108min). Após saberem que o amigo George está gravemente doente e tem apenas mais alguns meses de vida, um grupo de teatro amador que tenta ensaiar uma nova peça, resolve lhe convidar para substituir um ator que não poderá participar dos ensaios.

15/01 (dom), 16h, no Sesc Crato:
Jornada ao Oeste (Xi You, Dir. Ming-liang Tsai, França/Taiwan, 2014, 56min). Enquanto um homem exausto respira agitado à beira-mar, outro, um monge budista trajando vestes vermelhas, caminha em um ritmo imperceptível pelas ruas de Marseille, na França.

15/01 (dom), 19h, no Sesc Crato:
O Filho de Saul (Saul fia, Dir. László Nemes, Hungria, 2015, 107min). No horror do campo de concentração de Auschwitz, em 1944, um prisioneiro forçado a queimar os cadáveres de seu próprio povo encontra sobrevivência moral tentando salvar das chamas o corpo de um menino.

16/01 (seg), 14h, no Sesc Juazeiro:
Peter Pan (Peter Pan, Dir. Clyde Geronimi/Wilfred Jackson/Hamilton Luske, EUA, 1953, 77min). Baseado na história de J. M. Barrie, o filme conta a aventura de Peter Pan e seus amigos na Terra do Nunca, que estão em confronto com o impiedoso Capitão Gancho.

16/01 (seg), 19h, no Sesc Crato:
O Lobo Atrás da Porta (O lobo atrás da porta, Dir. Fernando Coimbra, Brasil, 2013, 90min). Uma criança é raptada. Na delegacia, Sylvia e Bernardo, pais da vítima, e Rosa, a principal suspeita e amante de Bernardo, prestam depoimentos.

17/01 (ter), 14h, no Sesc Juazeiro:
A Fantástica Fábrica de Chocolate (Willy Wonka & the Chocolate Factory, Dir. Mel Stuart, EUA, 1971, 100min). Um grupo de crianças vence o concurso das barras de chocolate Wonka e tem acesso à misteriosa, mágica e fantástica fábrica de chocolate, onde segredos bizarros da fabricação do produto estavam até então trancafiados a sete chaves.

17/01 (ter), 19h, no Sesc Crato:
Branco Sai, Preto Fica (Branco sai, preto fica, Dir. Adirley Queirós, Brasil, 2015, 93min). Tiros em um baile de black music na periferia de Brasília, algum tempo atrás, ferem dois homens, Marquim e Sartana. Um terceiro, Dimas, vem do futuro para encontrar Sartana e provar que a culpa é da sociedade repressiva.

18/01 (qua), 14h, no Sesc Juazeiro:
O Cinema Nordestino Contemporâneo: Novas Paisagens e Estéticas Subversivas (Curso com Samuel Macêdo do Nascimento). Nessa proposta de curso iremos discutir a produção cinematográfica do nordeste contemporâneo. Como os povos dos sertões, e das metrópoles nordestinas, lidam com as paisagens que misturam elementos da tradição e o avanço das tecnologias, especialmente as tecnologias da arte e da comunicação? A ideia é trazer questões apresentadas em filmes de cineastas consagrados como Rosemberg Cariry, Claudio Assis, Gabriel Mascaro, Karim Ainouz; unidas com nomes de cineastas que fazem o cinema independente da região.

18/01 (qua), 18h30, no Sesc Juazeiro:
Os Primórdios da Cinefilia em Juazeiro (Conversa descontraída com Manoel Teixeira Barros, do Sebo e videolocadora Solaris). As histórias de quem participou da formação dos primeiros núcleos de cinéfilos caririenses em torno dos primeiros lançamentos de filmes, livros e discos. Uma trajetória amorosa sentimental sobre a importância e comprometimentos da arte em nossas vidas.

18/01 (qua), 19h, no Sesc Juazeiro:
Tangerine (Tangerine, Dir. Sean Baker, EUA, 2015, 88min). Duas prostitutas transexuais andam pelas ruas de Los Angeles, tendo que encarar várias desventuras, à véspera do Natal.

19/01 (qui), 14h, no Sesc Juazeiro:
Cemitério do Esplendor (Rak Ti Khon Kaen, Dir. Apichatpong Weerasethakul, Alemanha / França / Malásia / Reino Unido / Tailândia, 2015, 122min). Soldados com uma misteriosa doença do sono são transferidos para um hospital provisório instalado em uma antiga escola abandonada. Jenjira torna-se voluntária para tratar de Itt, um belo soldado que ninguém vem visitar. No hospital, ela faz amizade com a jovem médium Keng que utiliza os seus poderes para ajudar os parentes a se comunicarem com os homens adormecidos.

19/01 (qui), 19h, no Sesc Crato:
O Fim e o Princípio (O fim o princípio, Dir. Eduardo Coutinho, Brasil, 2006, 110min). Sem trama nem personagens, a equipe de filmagens parte para o sertão pernambucano em busca histórias, e acabam descobrindo os moradores do Sítio Araçás que, a partir de suas narrativas, fazem nascer o filme.

20/01 (sex), 14h, na FAMED de Barbalha/UFCA:
Estamos Todos Bem (Stanno tutti bene, Dir. Giuseppe Tornattore, Itália/França, 1990, 118min). Desde criança o aposentado Matteo Scuro amava a ópera e sonhava viajar pelo mundo. Agora sua chance de viajar chegou. Sempre no seu aniversário, os filhos de Matteo vêm de todos os cantos da Itália para vê-lo. Neste ano, um a um, eles cancelaram sua viagem anual.

20/01 (sex), 19h, no Sesc Juazeiro:
Rocky Horror Picture Show (The rocky horror picture show, Dir. Jim Sharman, EUA/Reino Unido, 1975, 100min). Em função de problemas com o carro, um casal de noivos se vê obrigado a pedir abrigo num estranho castelo, sem saber que ele é habitado por alienígenas do planeta Transexual.

21/01 (sáb), 13h, no CCBNB Cariri:
Sessão encoberta 1: apenas na hora da exibição o filme será revelado.

21/01 (sáb), 15h, no CCBNB Cariri:
Sessão encoberta 2: apenas na hora da exibição o filme será revelado.

21/01 (sáb), 17h30, no CCBNB Cariri:
A História da Eternidade (A história da eternidade, Dir. Camilo Cavalcante, Brasil, 2014, 121min). Em um pequeno vilarejo no Sertão, três histórias de amor e desejo revolucionam a paisagem afetiva de seus moradores.

22/01 (dom), 14h, no Sesc Crato:
Spring Breakers – Garotas Perigosas (Spring Breakers, Dir. Harmony Corine, EUA, 2012, 94min). Quatro estudantes universitárias assaltam um restaurante a fim de financiar suas férias de primavera e acabam presas.

22/01 (dom), 16h, no Sesc Crato:
O Cheiro da Gente (The smell of us, Dir. Larry Clark, França, 2015, 92min). O fotógrafo e artista Larry Clark acompanha momentos da vida de um grupo de seis jovens parisienses, seus encontros entre o Museu de Arte Moderna e o Palais de Tokyo e suas festas repletas de sexo, drogas e rock‘n’roll.

22/01 (dom), 19h, no Sesc Crato:
Julieta (Julieta, Dir. Pedro Almodóvar, Espanha, 2016, 99min). A trama acompanha um intervalo de 30 anos da vida da protagonista Julieta, começando em 1985, quando tudo parecia ser muito melhor do que no presente, e depois indo para 2015, quando tudo parece sem conserto e ela está à beira da loucura.

23/01 (seg), 14h, no Sesc Juazeiro:
O Sonho de Wajda (Wadjda, Dir. Haifaa Al-Mansour, Alemanha/Arábia Saudita, 2012, 98min). Wadjda é uma menina de 12 anos que mora no subúrbio de Riade, capital da Arábia Saudita. Embora ela viva em uma cultura conservadora, é uma garota cheia de vida, que usa calça jeans, tênis, escuta rock-n’-roll e deseja apenas uma coisa: comprar uma bicicleta e disputar uma corrida com seu melhor amigo Abdallah.

23/01 (seg), 19h, no Sesc Crato:
Casa Grande (Casa Grande, Dir. Fellipe Barbosa, Brasil, 2014, 115min). Jean é um adolescente rico que luta para escapar da superproteção dos pais, secretamente falidos. Quando o motorista de longa data é demitido, Jean tem a tão sonhada chance de pegar o ônibus público pela primeira vez.

24/01 (ter), 14h, no Sesc Juazeiro:
Eles Voltam (Eles voltam, Dir. Marcelo Lordello, Brasil, 2012, 105min). Cris, de 12 anos, e seu irmão mais velho são deixados na beira da estrada por seus pais. Em pouco tempo percebem que o castigo vem a se tornar um desafio ainda maior.

24/01 (ter), 19h, no Sesc Crato:
O Batismo (Chrzest, Dir. Marcin Wrona, Polônia, 2010, 86min). Varsóvia, Polônia. Após deixar o mundo do crime, Michal consegue recomeçar do zero e levar uma vida honesta.

25/01 (qua), 14h, no Sesc Juazeiro:
O Cinema Francês em Pauta: Sobre a Obra Cinematográfica de François Ozon (Estudo de Émerson Cardoso). Estudo teórico-crítico sobre o cinema francês a partir da obra realizada por François Ozon. Explanação de características relativas à obra cinematográfica de longa metragem com ênfase na categoria do diretor e da personagem à luz da concepção empreendida por François Ozon em sua filmografia.

25/01 (qua), 19h, no Sesc Juazeiro:
A Bruxa (The witch, Dir. Robert Eggers, Canadá/EUA/Reino Unido, 2015, 92min). Nova Inglaterra, anos 1630. William e Katherine levam uma vida cristã com suas cinco crianças, morando à beira de um deserto intransitável.

26/01 (qui), 14h, no Sesc Juazeiro:
Ave, César! (Hail, Caesar!, Dir. Ethan e Joel Coen, EUA/Reino Unido, 2016, 106min). O responsável por proteger as estrelas do estúdio Capitol Pictures de escândalos e polêmicas e vive um dia intenso quando Baird Whitlock, astro da superprodução Hail, Caesar!, é sequestrado no meio das filmagens por uma organização chamada “Futuro”.

26/01 (qui), 19h, no Sesc Crato:
Sudoeste (Sudoeste, Dir. Eduardo Nunes, Brasil, 2012, 100min). Numa vila isolada do litoral brasileiro onde tudo parece imóvel, Clarice percebe a sua vida durante um único dia, em descompasso com as pessoas que ela encontra e que apenas vivem aquele dia como outro qualquer.

27/01 (sex), 14h, em Barbalha:
Miss Violence (Miss Violence, Dir. Alexandros Avranas, Grécia, 2013, 99min). No dia de seu aniversário de 11 anos, Angeliki pula da sacada e morre com um sorriso no rosto.

27/01 (sex), 19h, no Sesc Juazeiro:
Monstros (Freaks, Dir. Tod Browning, EUA, 1932, 64min). Em um circo de atrações bizarras, a linda trapezista Cleopatra é cortejada pelo anão Hans, mas o rejeita até descobrir que este herdou uma fortuna.

28/01 (sáb), 13h, no CCBNB Cariri:
Sessão encoberta 1: apenas na hora da exibição o filme será revelado.

28/01 (sáb), 15h, no CCBNB Cariri:
Sessão encoberta 2: apenas na hora da exibição o filme será revelado.

28/01 (sáb), 17h30, no CCBNB Cariri:
Anomalisa (Anomalisa, Dir. Charlie Kaufman/Duke Johnson, EUA, 2015, 90min). Um palestrante motivacional que se vê aterrorizado com o vazio de sua vida.

29/01 (dom), 14h, no Sesc Crato:
Girimunho (Girimunho, Dir. Clarissa Campolina/Helvécio Marins Jr., Brasil, 2011, 90min). A trama gira em torno da vida de dona Bastu que, após a morte de seu marido, o ferreiro Feliciano, tenta perceber nos pequenos sinais do dia a dia e em suas lembranças os elementos que irão ajudá-la nesta passagem.

29/01 (dom), 16h, no Sesc Crato:
Caminho Para o Nada (Road to Nowhere, Dir. Monte Hellman, EUA, 2010, 121min). Um cineasta se vê arrastado para uma complexa teia de intrigas o assombrando e fica obcecado com uma mulher, um crime e com o seu passado.

29/01 (dom), 19h, no Sesc Crato:
Nós Somos as Melhores (Vi är bäst!, Dir. Lukas Moodysson, Suécia, 2013, 102min). 1982, Estocolmo, Suécia. Bobo, Kiara e Hedvig são garotas entre 12 e 13 anos que vagam pelas ruas da cidade.

16, 17 e 18 de janeiro de 2017, 14h:
Oficina “O Que é documentário? Introdução a uma linguagem”, com Ythallo Rodrigues. Instrumentalização da linguagem cinematográfica. Observação detida de alguns filmes documentais. Primeiras análises e desvelamento do olhar a partir dos filmes apresentados. Desconstrução do lugar-comum do documentário televisivo. Filmes sobre o real e o real sobre os filmes. Práxis de uma linguagem possível. Pare, olhe, escute e veja (sistematização prática e conclusão).

25/01 (qua), 19h:
Palestra “A Fotografia no Cinema”, com Nívia Uchôa. Uma conversa sobre a fotografia no Cinema é algo para vários detalhes; as cenas derivam de construções ligadas a histórias a partir de um roteiro ou não, contadas através da luz, ângulos, planos, objetos de cenas, enquadramentos, contrastes, são narrativas visuais que dão uma estética ao cinema. Discorreremos sobre algumas obras cinematográficas.

Locais de exibição:
Sesc Juazeiro: Teatro Patativa do Assaré, unidade Juazeiro do Norte do SESC. Rua da Matriz, 227, Centro. Tel.: (88) 3587.1065 ou 3512.3355.
Sesc Crato: Teatro Adalberto Vamozi, unidade Crato do SESC. Rua André Cartaxo, 443, Centro. Tel: (88) 3523.4444.
FAMED (Faculdade de Medicina – UFCA): Auditório da FAMED-UFCA. Rua Divino Salvador, 284, Bairro Rosário – Barbalha-CE. Tel.: (88) 3312.5000.
CCBNB Cariri: Centro Cultural Banco do Nordeste, Auditório do 7º andar. Rua São Pedro, 337, Centro, Juazeiro do Norte. Tel.: 3512.2855.

Deixe um comentário

Powered by keepvid themefull earn money